O Fato Novo do Sultão e Outros Contos

Autor Guerra Junqueiro
Coleção Pé de Pato
ISBN 9789895640294
PVP 10.99€ (IVA incluído) Preço fixo até 30-06-2022
1.ª Edição março de 2021
Edição atual 1.ª
Páginas 64
Apresentação Capa dura
Dimensões 130x198x10 mm
Idade 9+
Categorias 1.º Ciclo de Ensino Básico 2.º Ciclo de Ensino Básico Outros Títulos Recomendados Outros Títulos Recomendados

Histórias antigas para novos leitores

Os contos presentes neste livro são retirados da obra Contos para a Infância, publicada em 1877, por Guerra Junqueiro. Apesar de não serem da sua autoria, mas sim adaptações de histórias tradicionais, neles estão patentes as preocupações pedagógicas, sociais e culturais deste autor. Os valores subjacentes — a bondade, a justiça, a solidariedade, a honestidade, a gratidão, entre outros — são transmitidos de forma simples e construtiva.

As ilustrações bem-humoradas de Elias Gato são o complemento perfeito destes textos que têm sido apreciados por várias gerações de leitores.

Edição especial com encadernação em capa dura.

ILUSTRADOR - ELIAS GATO

Nasceu na Suíça, em 1989, e vive em Castro Marim, no Algarve. É licenciado em Pintura pela Faculdade de Belas-Artes de Lisboa e mestre em Ensino de Artes Visuais do 3.º Ciclo e Secundário. Trabalha como professor e ilustrador freelancer. É ainda impressor gráfico, escritor, editor (na sua editora fictícia Edições Punhefla) e formador. Foi o vencedor da 2.ª edição do Prémio de Literatura Infantil do Pingo Doce, na categoria de Ilustração (2015).

Guerra Junqueiro

Guerra Junqueiro (1850–1923) é o nome por que ficou conhecido Abílio Manuel Guerra Junqueiro. Figura de relevo da Cultura Portuguesa, exerceu vários cargos e deixou uma extensa obra, como poeta, prosador, jornalista e político. A passagem pelo curso de Teologia e a licenciatura em Direito terão influenciado o seu percurso, a adesão ao Realismo e a preocupação social e cívica. Guerra Junqueiro defendia a importância da educação (estética, académica, ética) como forma de contrariar o atraso de Portugal. A publicação, em 1877, da obra Contos para a Infância faz parte deste desígnio.